quinta-feira, 3 de março de 2011

Banda Eek


A Eek entende a música como uma forma artística de expressão, por isso seu repertório é formado apenas por canções próprias. As sonoridades ficam na tênue linha que separa o leve do pesado e criam as atmosferas para as letras, que trazem o cotidiano como pano de fundo para questões existenciais.

“O potencial está na inclinação para um rock suave adocicado com música popular brasileira. O lirismo poético é outro ponto forte, com letras a versar sobre temas ligados ao cotidiano e a questões existenciais.” Fernando Coelho (Caderno B da Gazeta de Alagoas de 28 de setembro de 2008)

Em agosto de 2003, Diogo Braz (vocal e guitarra) e Christophe Lima (bateria) se juntaram em torno de um projeto que suprisse suas necessidades criativas. Para completar a sonoridade da banda vieram diversos músicos, até que, em janeiro de 2009, a Eek chegou a sua atual formação, com Wagner Sampaio (guitarra e vocal); e Leo Tarja Preta (baixo).

Com o álbum ‘Fantasia de Equilibrista’, a banda alagoana Eek foi a grande vencedora do Prêmio Uirapuru de Música Brasileira, na categoria Melhor Disco de 2010, voto popular. O prêmio é realizado pela revista Dilúvio, do Rio Grande do Sul, e está em sua 10ª edição.



A votação aconteceu pela internet entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano em duas etapas, através de um site de relacionamentos. A intenção da revista é fazer um mapeamento anual do cenário musical nacional.

Além da Eek, que ficou em primeiro lugar, outras bandas alagoanas também se destacaram na competição, como a Coisa Linda Sound System, que ficou em segundo lugar, e My Midi Valentine, em sétimo.

Fantasia de Equilibrista’ é o primeiro disco da banda alagoana, lançado em dezembro do ano passado através do edital de incentivo à produção da Secretaria Estadual de Cultura. Ele foi produzido, gravado e mixado por Emmanuel Miranda, em Maceió, e masterizado pelo renomado Sergio Soffiatti, em São Paulo.


A Eek é formada por Diogo Braz (voz e guitarra), Christophe Lima (bateria), Wagner Sampaio (guitarra e voz) e Leo Almeida (baixo) e foi criada a partir da vontade de um grupo de amigos em fazer um som legal.

Desde o lançamento o disco, a banda vem divulgando seu trabalho em diversos shows em Maceió, João Pessoa e Natal e se prepara agora para mais apresentações em Campina Grande.

Depois de alguns anos insistindo em fazer música autoral, a banda lança agora seu primeiro registro fonográfico. O disco, intitulado “Fantasia de equilibrista”, foi premiado pela Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas e pelo Fundo de Desenvolvimento de Ações Culturais do estado e reúne uma boa amostra do trabalho produzido pela banda em seu tempo de estrada.



Fantasia de equilibrista” foi premiado no edital de incentivo à produção de CDs e DVDs da Secretaria de Estado de Cultura de Alagoas e recebeu verba do Fundo de Desenvolvimento de Ações Culturais de Alagoas para a sua finalização.

O disco, lançado de forma independente pelo embrião do selo musical Sonomax - produzido, gravado e mixado por Emmanuel Miranda (primeiro baixista da Eek), em Maceió, e masterizado pelo renomado Sergio Soffiatti (André Abujamra; Wado; OBMJ; Gram), em São Paulo - traz 13 composições do vocalista e guitarrista Diogo Braz e conta com a participação especial dos músicos Philipe “Seixas” Carvalho e Peter Beresford.

O clima do disco já pode ser sentido no material gráfico, recheado de fotos e imagens que remetem à solidão urbana, conceito desenvolvido pelo fotógrafo Aloisio Correia e trabalhado pelos fotógrafos Woulthamberg Rodrigues, Ariane Sapucaia, Renata Baracho, Nathália Nascimento, e pelo designer Tales Pugedo. A temática se encaixou naturalmente nas letras, melodias e arranjos.

Fantasia de equilibrista”, faixa que batiza o disco, fala sobre angústias de uma sociedade individualista e marcada pela rotina; sociedade representada aqui numa metáfora de circo, onde seus membros se equilibram em cordas imaginárias para manter a sanidade.

O cotidiano e os sentimentos do indivíduo sozinho na multidão repercutem em todo o disco, em letras que falam de amores desencontrados (Oh, a canção!; Paranóica), passagem do tempo (Calendários; Aquele velho Starsax; Contando as horas; Tempo), relações que desmoronam (Chegando ao fim) e questões existenciais (Farsa da dor; Minha vida de cão).

Quatro músicas já haviam sido lançadas em 2007, numa “demo”, mas agora estão em novas versões, com arranjos diferentes; é o caso de “O jogo do Curinga”, inspirada no livro “O dia do Curinga”, de Jostein Gaarder, e “Onde quer que faça sentido”, que traz a desiludida jornada de um indivíduo que busca sentido no seu cotidiano.

É um disco versátil, que se equilibra com desenvoltura entre o calmo e o pesado, em composições simples, que convidam o ouvinte a prestar atenção nas letras e absorver a atmosfera das canções.

Fantasia de equilibrista” será lançado em SMD - mídia semelhante ao CD, que se propõem a ser um instrumento de inclusão social, já que os discos somente podem ser vendidos pelo preço de R$ 5,00, o que proporciona que mais pessoas tenham acesso à música, à cultura.

No currículo da banda há participações nos festivais de música do SESC-AL (Femusesc) e da Faculdade de Alagoas (FICFAL), em importantes encontros universitários como o ENECOM (encontro nacional de estudantes de comunicação), EREA (encontro regional de estudantes de arquitetura), EREM (encontro regional de medicina), e em duas edições do Festival da Primavera da UNCISAL; fez a abertura de shows para bandas como Moptop (RJ) e Xique Baratinho (AL); participou de projetos como o Tributo a Chico Bertoni e em três edições do Projeto InTR3Sessões, no Teatro Linda Mascarenhas e no Teatro SESI Pajuçara, além de ter apresentado seu show em diversas casas de show e bares de Maceió.

Entre as influências da banda, estão: The Beatles (principalmente); Los Hermanos; Mopho; Queens Of The Stone Age; uma gama de bandas dos anos 60 e 70; e tudo de agradável que os ouvidos desses parceiros possam captar.



Quem ainda não conhece o trabalho da Banda Eek pode conferir o disco através do site http://www.overmundo.com.br/banco/eek-fantasia-de-equilibrista-2010


FONTE

Alagoas 24h
site oficial
Lovig

2 comentários:

Diogo Braz disse...

Oi, Beth!
Toco na Eek, ficamos muito felizes com o seu post. Parabéns pelo cuidado e pela pesquisa! e obrigado pelo espaço e pela atenção!
Abraço
Diogo Braz

Beth disse...

Oi Diogo, Obrigada pelo carinho!

Fico feliz em divulgar o trabalho da Eek aqui em meu Blog. Parabéns pela versatilidade e originalidade do repertório.

Abçs!